terça-feira, julho 05, 2005

Xenofobia pura e dura!...




«Portugal já está sujeito à concorrência de países fora da Europa. Os chineses estão a entrar por aí a dentro, os indianos estão a entrar por aí a dentro... e os países de Leste a fazer concorrência a Portugal», justificou Alberto João Jardim.

E, se algumas dúvidas ainda restassem, Jardim fez questão de as desfazer: «Estão a fazer-me sinal de quê?! Estão chineses aí?! É mesmo bom para eles ouvirem que não os quero cá».


Para ouvir!

17 comentários:

gmarinho disse...

merda no ventilador! (pardon my french)

Mariana Matos disse...

whatever you say ( entschuldigung meines Deutsches!)

Nuno Barata disse...

Mas ainda há quem ligue a essa besta? Bem que meu Avô me dizia que o Povo madeirense era bem diferente do Povo Açoriano.Cá essa fantochada já tinha acabado há muito.

Nuno Barata disse...

Devem ser influências do Magreb. EhEh agora fui eu o henófebo mas só a brincar.

Caiê disse...

Ó Barata... o meu avô era marroquino! easy nas mudanças... ;)

Caiê disse...

A Madeira é um Jardim, mas o Alberto João é que é uma Pérola... Ele terá andado a ler a história do voto dos imigrantes? Ele saberá ler?

Rui Coutinho disse...

Tem piada.
Termos um Sr. que é Presidente do Governo Regional da Madeira a mandar estas bojardas é considerado "quase" normal!?
Como a Madeira já uma das regiões europeias com maior densidade populacional, e o Sr. Jardim não gosta do rectângulo, é provável que os madeirenses que estão na Venezuela, África do Sul, etc, venham parar às nossas ilhas.
Nesta altura, teremos certamente a oportunidade e coragem de ir recebê-lo e dizer que não o queremos por cá.
Não sei se hoje é dia de ficção ou de fixação...

João Pacheco de Melo disse...

João Jardim é um bom exemplo de como o eternizar alguém no poder - pode até ser um "tipo porreiro", o que no caso não me parece - é um erro dramático.

O poder corrompe. E o poder absoluto corrompe absolutamente!
E não é fácil dar a volta a esta questão.

As próximas autarquicas - FTorres, VLoureiro e até o Isaltino -, ou muito me engano, ou serão um bom exemplo disso!
A ver vamos!

gmarinho disse...

ora cá está uma coisa discreta:

http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=12&id_news=181826

Rui Coutinho disse...

O Sr. Jardim bem podia ir à África do Sul provar do chumbo que é cobardemente servido aos seus conterrâneos.

Mariana Matos disse...

Sim senhor...Dr.Guilherme...nunca é tarde!...

Aaohfowerhoheroihjaeroºjreo disse...

O Jardim nunca devia ter saido do buraco de one saiu.É, sem duvida, o maior imbecil do país.

Aaohfowerhoheroihjaeroºjreo disse...

O Jardim nunca devia ter saido do buraco de one saiu.É, sem duvida, o maior imbecil do país.

Aaohfowerhoheroihjaeroºjreo disse...

O Jardim nunca devia ter saido do buraco de one saiu.É, sem duvida, o maior imbecil do país.

Aaohfowerhoheroihjaeroºjreo disse...

O Jardim nunca devia ter saido do buraco de one saiu.É, sem duvida, o maior imbecil do país.

Anónimo disse...

Do que me parece, ninguem percebeu nada do assunto. Para variar e como qual pportuguesinho de merda, limitaram-se a ler o que estava escrito pelos diarios, mas não perceberam o conteudo.
Pelo menos os madeirenses perceberam o que vem mostrar que afinal há um povo que é sensivel as coisas.
Os chineses e indianos foram responsaveis por falsificar bordados e produtos madeirenses com produtos de baixissima qualidade. Toda gente sabe a enorme qualidade dos produtos vindos da madeira desde as frutas, passando pelo vinho e pelos bordados e artesanato em geral. Estes produtos falsificados vinham denegrir a imagem dos mesmo em relção à madeira. Nada melhor que por logo um ponto final.
Se isto se passasse nos Açores ou Continente, certamente nem se mexiam ou então entulhavam papelada e no final se calhar ainda os defendiam por fazerem essa merda.
O AJJ respeita os madeirenses por tudo o mundo e aproveito pra dizer que eles para o Açores não querem ir de certeza. Agora Açorianos a qurerem vir pra Madeira poem ter a certeza que são muito, e a prova é o que já se vê por lá.
Ah se ele tá no poder, é porque o povo quer e gosta dado o facto de ter feito muito pela região. Algo que nos Açores deverá acontecer lá pelo ano 2050. E não venham dizer que a natureza desaparceu. Não falem sem saberem do que falam. isso tb é tipico do portuguezinho de merda e parece que voçes estão incluidos. vão lá, e vejam akilo que os turistas dizem ser o melhor pedaço de Portugal.
Ditadura lá não existe. Corrupção até nos Açores existe e não é por ai que vamos. Peguemos 1º num 1º ministro que está a lixar o pais e é da mesma cor politica qu eo vosso querido Cesar, que tem metido o rabinho entre as pernas e não vos defende de ataques colonialistas.

Anónimo disse...

"No domingo, no discurso de encerramento da iniciativa «48 horas a bailar», o presidente do Governo Regional da Madeira e líder do PSD madeirense disse que, para além da concorrência da Europa e dos indianos, «os chineses estão a entrar por aí dentro», e opôs-se à entrada destes imigrantes no arquipélago para fazer negócios."

Que tipo de negócios?!
Já perceberam o que quis dizer?

Tenho a certeza que muitos vêm para aqui acusá-ço de xenófobo mas se passarem por um lojita de chinês, são muito capazes de olhar de lado...
Hipócritas!!!