quinta-feira, junho 02, 2005

Nenhum homem é uma ilha

"Nenhum homem é uma ilha, pleno de sí; todo o homem
é uma peça do continente, uma parte do todo;
se uma nuvem é levada pelo mar, a Europa
é menos, tal como se fosse um promontório, tal
como se fosse algum amigo teu ou
familiar teu; a morte de qualquer homem diminue-me,
porque eu estou envolvido na humanidade.
por isso nunca faças por saber por quem
o sino toca; toca por ti."

Tradução "instantânea" do Pedro
De no man is an Island de John Donne

5 comentários:

Clara disse...

Não sei se gosto dessa proxidade, vamos lá a ter juízo... :lol: (estava a brincar, é sempre melhor explicar estas coisas porque há sempre alguém que não percebe a piada).

Mariana Matos disse...

Já não tenho os famosos esgazeados...:)
Não te preocupes, prima.

Caiê disse...

Ia comentar a tradução do poema... Mas agora sinto que estava a invadir o terreno de uma private joke a 3 e perdi a pica! (falta aqui um smile, arranja smiles práqui, ó Mariana!)

Mariana Matos disse...

Podes comentar à vontade.

Anónimo disse...

Keep up the good work Devon fishing vitamins supplements design a kitchen cabinet spyware How can you pay a bill on line average weight loss with bontril Low adult rate merchant account oral surgery recipes Accessory camcorder fujix Ovulation avec clomid business schools Buy tadalafil cod Blackberry 5401 Lbc tvs Camping delaware river mesotherapy before and after http://www.vegas-style-baccarat.info power washers travel insurance protection